Publicações

HáBITOS ALIMENTARES INCORRETOS E SUAS CONSEQUêNCIAS à SAúDE BUCAL DA POPULAçãO INFANTIL NA UNIDADE BáSICA DE SAúDE DR. VESPASIANO BARBOSA MARTIN...
Download da publicação

Especificação



Titulo :

HáBITOS ALIMENTARES INCORRETOS E SUAS CONSEQUêNCIAS à SAúDE BUCAL DA POPULAçãO INFANTIL NA UNIDADE BáSICA DE SAúDE DR. VESPASIANO BARBOSA MARTINS ? VILA POPULAR EM CAMPO GRANDE M.S.

Resumo :

Hábitos alimentares incorretos aliado à má higiene bucal é responsável pelo retorno cada vez mais cedo de crianças na faixa etária escolar ( 7 a 12 anos) ao consultório odontológico da Unidade Básica de Saúde Dr.º Vespasiano Barbosa Martins, sempre com recidivas da doença cárie e novos focos, gerando bastante preocupação da odontóloga local. Desta forma o presente estudo tem como objetivos verificar hábitos alimentares das crianças da Unidade Básica de Saúde Drº Vespasiano Barbosa Martins, avaliar o conhecimento sobre a doença cárie suas formas de evitá-la, além de elaborar uma proposta de intervenção para esta população. Participam deste estudo crianças com idade entre 7 e 12 anos pertencentes à Unidade Básica de Saúde Drº Vespasiano Barbosa Martins. Inicialmente foi formulado e aplicado um questionário onde as crianças e seus responsáveis responderam. Após, foi realizado um exame clínico da criança pela odontóloga, seguindo-se o índice CPO-D/ceo-d. Verificou-se que a maioria das crianças estudadas apresentaram índice CPO-D/ceo-d nível II, ou seja, possuem 3 ou mais elementos dentários afetados pela doença cárie além de placa dentária visível. Consomem alimentos cariogênicos com frequência ( mais de três vezes ao dia) e dizem manter a higiene bucal em dia. Concluiu-se desta forma haver a necessidade da reeducação alimentar, além de reforçar o aprendizado das técnicas de higiene bucal tanto para o paciente quanto para seus responsáveis. Deve-se fazer o acompanhamento deste público mais de perto, inclusive dentro da escola, com orientações de higiene e aplicações frequentes de flúor em bochechos, além de agendar retornos mais frequentes ao consultório para supervisão, acompanhamento e prevenção da doença.

Autores :

ÂNGELA LETÍCIA OLIVEIRA BITENCOURT

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: angelabitencourt@yahoo.com.br

SENSIBILIZAçãO DE PACIENTES PORTADORES DE HIPERTENSãO ARTERIAL SISTêMICA E DIABETES MELLITUS NA ADESãO AO TRATAMENTO DA ESTRATéGIA DE SAúDE DA FAM...
Download da publicação

Especificação



Titulo :

SENSIBILIZAçãO DE PACIENTES PORTADORES DE HIPERTENSãO ARTERIAL SISTêMICA E DIABETES MELLITUS NA ADESãO AO TRATAMENTO DA ESTRATéGIA DE SAúDE DA FAMíLIA EMIKO RESENDE.

Resumo :

Atualmente observamos um crescente envelhecimento populacional mundial. Tal mudança é caracterizada pela incidência de doenças crônicas, como a hipertensão arterial e diabetes mellitus. Sendo assim torna-se necessário acompanhar esta clientela de forma interdisciplinar maximizando os resultados na atenção à saúde. O público alvo do estudo foram 15 clientes, da Estratégia de Saúde da Família Emiko Resende no distrito de Nova Porto XV município de Bataguassu-MS, cadastrados no programa HIPERDIA (hipertensos e diabéticos) com níveis pressóricos e glicêmicos elevados e dificuldade de adesão ao tratamento. São cadastrados 300 pacientes no programa, destes 50 apresentavam níveis descompensados e foram convidados para uma primeira reunião, dos 20 clientes que compareceram na reunião, 15 se dispuseram voluntariamente a participar do projeto. Para sensibilizar a adesão foram realizadas reuniões mensais e entregue um manual educativo, também foram realizados acompanhamentos semanais e visitas domiciliares sendo aplicado um questionário para identificação dos fatores que dificultavam a adesão. As ações foram desenvolvidas pela enfermeira e nutricionista da Unidade e pela assistente social do CRAS (Centro de Referência da Assistência Social). Da amostra avaliada obtivemos os seguintes resultados 67% mulheres e 33% homens, de 46 a 77 anos; sendo 27% diabéticos, 27% hipertensos e 46% com ambas as patologias, Quanto a escolaridade 27% analfabetos, 47% com ensino fundamental incompleto, 13% ensino fundamental completo e 13% ensino médio completo; em relação á renda familiar 87% apresentavam renda entre 1 e 2 salários mínimos e 13% acima de 2 salários mínimos. Quanto aos fatores de risco: 4 eram tabagistas, 1 alcoólatra, 11 sedentários e 11 com sobrepeso/obesidade. Através do estudo pôde-se concluir que as ações foram positivas, pois houve um aumento na procura pelos serviços de saúde e uma redução considerável nos níveis pressóricos e glicêmicos. Conclui-se que o acompanhamento incessantemente proporcionará uma melhor qualidade de vida evitando intercorrências e por vezes o óbito.

Autores :

ALINE ABOTT

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: aline_bott@hotmail.com

BUSCA DE SINTOMÁTICOS RESPIRATÓRIOS DE TUBERCULOSE NA PRÁTICA DA ESF III EM CAARAPÓ-MS EM 2012
Download da publicação

Especificação



Titulo :

BUSCA DE SINTOMÁTICOS RESPIRATÓRIOS DE TUBERCULOSE NA PRÁTICA DA ESF III EM CAARAPÓ-MS EM 2012

Resumo :

Tuberculose é uma doença infecto-contagiosa com distribuição mundial, e com maior incidência em países subdesenvolvidos e em desenvolvimento, onde se concentram 80% dos casos e 95% dos óbitos desta doença. O objetivo geral deste trabalho foi promover o aumento da busca de sintomáticos respiratórios pelos profissionais de saúde, bem como sensibilizar a população adscrita da ESF III sobre a tuberculose, com o intuito de alcançar a meta de 1% da população estabelecida no Programa Nacional de Controle da Tuberculose. Para tanto, realizou-se um relato de experiência de um treinamento com a equipe de saúde da ESF III e educação em saúde com a população da área adscrita em Caarapó-MS, abordando o tema tuberculose. Foram realizadas as atividades em maio de 2012. Durante as palestras, as orientações prestadas aos profissionais e aos clientes foram avaliadas, por meio de sua fala e participação ativa. Como será um projeto de resultados a longo prazo, os resultados iniciais serão avaliados após o primeiro ano de implantação na ESF III após a realização das palestras. Foram capacitados todos profissionais da ESF, e até o momento foram avaliadas 0.13% da população, com 05 BK, porém a equipe esta disposta a enfrentar os desafios e cumprir as metas preconizadas com o apoio da população. Os profissionais demonstraram bastante interesse sobre o assunto abordado; relataram seus medos a cerca do contágio da doença e as dificuldades em realizar a coleta da baciloscopia na prática diária. Com relação aos pacientes, estes também foram bem participativos durante as palestras, alguns nem sabiam o que era tuberculose, nem sintomas e meio de transmissão. Com este projeto evidenciou-se o potencial da ESF para intensificar as ações de controle da TB principalmente no que se refere à BSR no lugar onde ela se produz em meio a comunidade, e reconhece-se o protagonismo da ESF nestas ações. Após a realização deste trabalho, concluímos que a consciência da ESF em relação à busca de sintomáticos respiratórios como controle da TB ainda deve ser muito trabalhado, o que inclui um programa de educação permanente dentro da ESF prevenindo e promovendo saúde para esse grupo de risco.

Autores :

PEDRO ADOLFO FILHO

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: pedroadolfo76@yahoo.com.br

AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DE VIDA - GRUPO IDADE ATIVA DO ESF CENTRAL ? FÁTIMA DO SUL/MS
Download da publicação

Especificação



Titulo :

AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DE VIDA - GRUPO IDADE ATIVA DO ESF CENTRAL ? FÁTIMA DO SUL/MS

Resumo :

Pesquisa descritiva, quantitativa, com abordagem exploratória, objetivando verificar se a atividade física contribui para a boa qualidade de vida, dos usuários do projeto ?Idade Ativa? da ESF Central, Fátima do Sul/MS. As estratégias para os participantes do projeto propostas são para estimular cada participante do projeto a não desistir da prática de exercícios físicos regulares utilizando dessa alternativa para melhorar a qualidade de vida. Foram aplicados questionários com 20 mulheres de 30 a 90 anos que participam do projeto. As usuárias foram entrevistadas no período de 27/10/2011 a 12/03/2012. Os resultados das atividades físicas mostraram melhora da qualidade de vida. Em relação à Hipertensão houve melhora de 85% dos valores pressóricos; a saúde comparada à alguns anos mostrou satisfação em 95% dos casos; 90% não sente mais dificuldade de tomar banho; quanto aos exames laboratoriais 85% referiram valores mais próximos da normalidade; quanto ao seu bem estar físico e mental 90% obtiveram melhora, 95% não tiveram aumento de peso.

Autores :

RICARDO CARDOSO

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: ricardocardoso_ms@hotmail.com

DIAGNÓSTICO, TRATAMENTO E CONSCIENTIZAÇÃO DA IMPORTÂNCIA DA HIGIENE BUCAL PARA A SAÚDE DOS ALUNOS ATENDIDOS PELO ?PROGRAMA DE SAÚDE DO ESCOLAR...
Download da publicação

Especificação



Titulo :

DIAGNÓSTICO, TRATAMENTO E CONSCIENTIZAÇÃO DA IMPORTÂNCIA DA HIGIENE BUCAL PARA A SAÚDE DOS ALUNOS ATENDIDOS PELO ?PROGRAMA DE SAÚDE DO ESCOLAR?

Resumo :

Introdução: A higiene bucal não tem importância apenas para manter os dentes saudáveis, mas também para evitar doenças que podem ser provocadas pela má escovação ou até mesmo a falta de escovação da forma correta. O presente estudo tem como objetivo a realização de um diagnóstico bucal em crianças participantes do ?Programa de Saúde do Escolar? com finalidade de se realizar um tratamento e conscientização da importância da higiene bucal. Métodos: participaram do estudo 19 alunos do 3º ano do Ensino Fundamental da escola integral Estadual Antônio Delfino Pereira. O estudo envolveu quatro etapas: diagnóstico, conhecimento da saúde bucal, intervenção e conscientização. Resultados: Dos 19 alunos participantes 11 precisaram passar pelo tratamento e 3 ainda continuam em tratamento dentário devido ao nível em que se encontra sua dentição. Após o trabalho realizado de conhecimento saúde bucal, intervenção e conscientização, os alunos demonstraram uma conscientização maior sobre a importância da saúde bucal, satisfeitos com o tratamento recebido ao longo da pesquisa. Conclusões: Durante a realização da pesquisa, percebeu-se que a falta de higiene bucal e a conscientização da sua importância é um dos causadores da frequência da necessidade de tratamento dentário, pois, mesmo tendo conhecimento, as crianças nem sempre não são acompanhadas pela família para que façam uma escovação correta, devendo ser orientadas frequentemente pelos programas e pela família da sua importância, evitando assim, problemas futuros.

Autores :

ANTONIO AUGUSTO LONGO

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: antoniolongo49@hotmail.com

IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA SAÚDE NA ESCOLA 1ª FASE ? AVALIAÇÃO ANTROPOMÉTRICA ? ESF ? VILA ESPERANÇA ? ANGÉLICA/MS
Download da publicação

Especificação



Titulo :

IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA SAÚDE NA ESCOLA 1ª FASE ? AVALIAÇÃO ANTROPOMÉTRICA ? ESF ? VILA ESPERANÇA ? ANGÉLICA/MS

Resumo :

Este trabalho traz como objetivo implantar o Programa Saúde nas Escolas (PSE), do Ministério da saúde, junto a Escola Estadual 1º e 2º Grau Senador Filinto Muller e Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental Napoleão Batista de Albuquerque, Município de Angélica/MS, proporcionando ações que visem à promoção da saúde dos escolares. No inicio do ano de 2011 sinalizamos para a Secretaria de Estado de Saúde o interesse em aderir à implantação do Programa. Com o inicio do Curso de Pós-Graduação a equipe tomou a iniciativa de resgatar e efetivar a primeira fase do mesmo, através da realização do levantamento antropométrico de todos os alunos da rede pública e ações de saúde bucal. Dentre os principais resultados, concluimos que dos 325 estudantes do sexo feminino, 85.5%, estavam com peso adequado para idade e 47 alunos (14.5%) estavam com peso inadequado. Dentre os 330 estudantes do sexo masculino 88.5%, estavam com peso adequado para idade e 38 alunos (11.5%) estavam com peso inadequado. Os estudantes com alteração na avaliação antopométrica e seus familiares serão convidados a atividades educativas e acompanhamento com equipe multiprofissional, na estratégia de saude da familia. Outras ações de cunho educativo e preventivo serão realizadas nas referidas escolas.

Autores :

MANUELA FERREIRA GOMES

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: manu.dra@hotmail.com

CONHECIMENTO E O USO DE MÉTODOS CONTRACEPTIVOS DAS ADOLESCENTES GRÁVIDAS EM UMA ESF NO MUNICÍPIO DE NAVIRAÍ-MS.
Download da publicação

Especificação



Titulo :

CONHECIMENTO E O USO DE MÉTODOS CONTRACEPTIVOS DAS ADOLESCENTES GRÁVIDAS EM UMA ESF NO MUNICÍPIO DE NAVIRAÍ-MS.

Resumo :

O presente estudo avaliou em forma de questionamento, o conhecimento e o uso de métodos contraceptivos entre as adolescentes grávidas de uma unidade de saúde do município de Naviraí-MS . Para obtenção destes resultados foi aplicado um questionário estruturado, composto por 10 questões, responderam ao questionário uma amostra total de 32 adolescentes grávidas, para critério de exclusão entra as gestantes de 19 anos acima. Após a explicação sobre os objetivos da pesquisa, os participantes assinaram o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE), garantindo absoluto sigilo e seus direitos como participantes. A amostragem foi realizada de forma sistemática, os dados obtidos foram organizados, e posteriormente, realizado uma análise estatística descritiva com base no referencial bibliográfico. Quando questionados se na ocasião da primeira relação sexual e no período em que ficou grávida, estava usando algum método contraceptivo, uma média de 65% não estava usando nenhum tipo método contraceptivo, o que traduz o risco de gravidez e de contrair de alguma forma doenças sexualmente transmissíveis. Ao serem questionadas sobre quem recomendou o uso de algum método contraceptivo, ficaram na ordem decrescente as mães, as enfermeiras e os médicos. Desta forma faz-se necessário que estas adolescentes sejam conscientizadas, e que profissionais de saúde possam trabalhar pensando no bem dessa população. No entanto, quando questionados sobre o apoio do parceiro ao descobrirem que estavam grávidas, grandes maioria receberam apoio dos mesmos, portando há uma necessidade de melhor instrumentalização dos profissionais de saúde, de modo que haja contribuição efetiva para o sucesso de um trabalho educacional nesse sentido.

Autores :

ROSINEIDE BARBOSA DA SILVA TOURO

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: rosineide.touro123@hotmail.com

REFLEXOS NA SAúDE BUCAL DAS PRáTICAS ODONTOLóGICAS OFERTADAS PELO SUS AOS ALUNOS DO CEM - ÉRICO VERíSSIMO EM CHAPADãO DO SUL ? MS.
Download da publicação

Especificação



Titulo :

REFLEXOS NA SAúDE BUCAL DAS PRáTICAS ODONTOLóGICAS OFERTADAS PELO SUS AOS ALUNOS DO CEM - ÉRICO VERíSSIMO EM CHAPADãO DO SUL ? MS.

Resumo :

O presente estudo visou avaliar os reflexos na saúde bucal das práticas odontológicas curativas e preventivas voltadas aos escolares da rede pública municipal de ensino da escola CEM ? Érico Veríssimo na cidade de Chapadão do Sul - MS (Mato Grosso do Sul - Brasil), através de avaliação das Fichas de Atendimento Clinico Odontológico e exames clínicos intrabucais o autor observou que os atendimentos clínicos estão sendo efetivos.

Autores :

RODOLFO GARCEZ PINHO CHAVES

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: rodolfogarcez@hotmail.com

ASPECTOS ORGANIZACIONAIS E EPIDEMIOLÓGICOS DA DENGUE NO MUNICÍPIO DE AMAMBAI, PERÍODO DE 2009 A 2011: ÊNFASE NA UBS VILARINHO
Download da publicação

Especificação



Titulo :

ASPECTOS ORGANIZACIONAIS E EPIDEMIOLÓGICOS DA DENGUE NO MUNICÍPIO DE AMAMBAI, PERÍODO DE 2009 A 2011: ÊNFASE NA UBS VILARINHO

Resumo :

A questão sobre a importância da dengue se faz necessária por se tratar de um agravo nacional passível de epidemias, principalmente em períodos chuvosos e de temperatura elevada, características presentes no município de Amambai de outubro a abril. Este estudofoi baseado em pesquisas literárias, análise em banco de dados com utilização do Sistema de Informação de Agravos de Notificação(SINAN), com o intuito de busca de dados fidedignos no período correspondente aos anos entre 2009 e 2011, observação do trabalho de campo da equipe de controle de vetores/vigilância epidemiológica e acompanhamento das ações frente à intersetorialidade, antes defasada. Foi dado destaque à unidade de saúde Vilarinho, área de abrangência da especializanda em Atenção Básica em Saúde da Família. Os resultados obtidos demonstraram a relevância de um trabalho recíproco,com o alerta aos profissionais de setores variados quanto à possibilidade de um caso novo da doença, para ser dada a sequencia ao atendimento e consequente resolubilidade, conclusão advinda do estudo qualitativo, com análise descritiva e bibliográfica, realizado no período compreendido entre agosto de 2011 e abril de 2012. O município conta ainda como aliado a Lei municipal nº 2025/07, que dispõe sobre a limpeza e conservação de imóveis na área urbana, facilitando as ações de combate ao vetor, evitando os criadouros domésticos. Evidencia-se a chamativa para novos estudos relativos às ações de saúde quanto ao cumprimento de metas, principalmente em municípios de pequeno porte, geralmente menos lembrados, com o intuito de haver uma fiscalização mais ostensiva não possibilitando desatenções. Palavras-chave: Dengue. Epidemiologia. Intersetorialidade.

Autores :

MARTA ROSSI

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: martinha_rossi@hotmail.com

SAÚDE BUCAL DO INDIVÍDUO HIPERTENSO: FATORES QUE DIFICULTAM A BUSCA PELOS SERVIÇOS DE ATENÇÃO ODONTOLÓGICA.
Download da publicação

Especificação



Titulo :

SAÚDE BUCAL DO INDIVÍDUO HIPERTENSO: FATORES QUE DIFICULTAM A BUSCA PELOS SERVIÇOS DE ATENÇÃO ODONTOLÓGICA.

Resumo :

O presente trabalho apontou os principais motivos pelos quais os portadores de hipertensão arterial sistêmica (HAS) não procuram o agendamento odontológico no distrito de Nova América em Caarapó, estes pacientes procuram atendimento dentário apenas em caráter emergencial, isto é, para sanar sua sensibilidade dolorosa momentânea. A pesquisa foi de natureza exploratório-descritiva em que se priorizaram as respostas dos entrevistados da área, constatou-se que o medo da anestesia como também o medo devido a relatos de outras pessoas são os motivos principais da baixa adesão dos hipertensos para tratamento odontológico. Sabe-se que problemas de saúde bucal são também considerados problemas de saúde pública. Nota-se, portanto, a necessidade de adoção de ações públicas de promoção e educação em saúde bucal direcionada aos portadores de HAS esclarecendo-os que todo hipertenso, desde que controlado, pode ser submetido a anestesia dental, como também desmistificar crenças antigas de que todo procedimento odontológico causa dor. O cirurgião dentista deve estar atento a demonstrações de medo e ansiedade decorrente de tais motivos ou de outras causas, esclarecendo dúvidas, disseminando informações, e desmistificando tais crenças. Esse vínculo paciente e profissional possibilita aos pacientes hipertensos a formação do seu Autocuidado em saúde bucal.

Autores :

MILENE SANT'ANA BAPTISTA

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: milenebaptista@hotmail.com

ENFRENTAMENTO DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA PELA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA-DOURADOS-MS
Download da publicação

Especificação



Titulo :

ENFRENTAMENTO DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA PELA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA-DOURADOS-MS

Resumo :

A violência doméstica ou intrafamiliar atinge uma grande parcela da população brasileira e é considerado um problema de saúde pública e um grande desafio para os gestores do Sistema único de Saúde. Devido a sua complexidade a mesma exige a atuação de profissionais de diversas áreas no seu enfrentamento. A notificação compulsória dos casos suspeitos e confirmados de violência doméstica cometida contra mulheres, crianças, idosos e deficientes é uma importante ferramenta no monitoramento da ocorrência da violência doméstica, possibilitando aos gestores e profissionais de saúde a implantação de políticas públicas para a prevenção e diminuição dos agravos de saúde causados pela violência. Os dados coletados na ficha são sigilosos, portanto o profissional de saúde não precisa ter receio em preencher a mesma, os dados coletados serão digitados no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), do Ministério da Saúde, permitindo assim o mapeamento dos casos notificados pelo serviço de Vigilância Epidemiológica, através da Vigilância das Violências. Para se alcançar melhores resultados em relação à notificação compulsória dos casos de violência faz se necessário a Educação Permanente dos profissionais da Atenção Básica tendo como objetivo a redução da morbimortalidade causada pela violência na comunidade.

Autores :

ADRIANA IZABEL MACEDO

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: adriana_isamacedo@hotmail.com

DEPRESSÃO EM IDOSOS FREQÜENTADORES DO GRUPO HIPERDIA, EQUIPE 12, UBSF ?BENJAMIM ASATO?, CAMPO GRANDE/MS
Download da publicação

Especificação



Titulo :

DEPRESSÃO EM IDOSOS FREQÜENTADORES DO GRUPO HIPERDIA, EQUIPE 12, UBSF ?BENJAMIM ASATO?, CAMPO GRANDE/MS

Resumo :

A depressão é um dos problemas psiquiátricos mais comuns e importantes em idosos, ela caracteriza?se como um distúrbio da área afetiva ou do humor, que exerce forte impacto funcional em qualquer faixa etária. A depressão permanece como um problema significativo encontrado por profissionais que trabalham com o idoso. O objetivo do estudo foi avaliar a prevalência dos sintomas de depressão em idosos freqüentadores do grupo Hiperdia e compreender se a depressão pode ser um das causas da baixa ades

Autores :

IVANILZA DE JESUS SILVA

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: nuza_cg@hotmail.com

CÁRIE DENTÁRIA EM CRIANÇAS DE DOZE A SESSENTA MESES DO MUNICÍPIO DE AQUIDAUANA - MS
Download da publicação

Especificação



Titulo :

CÁRIE DENTÁRIA EM CRIANÇAS DE DOZE A SESSENTA MESES DO MUNICÍPIO DE AQUIDAUANA - MS

Resumo :

O objetivo do trabalho foi realizar um levantamento epidemiológico sobre a prevalência de cárie dentária em crianças menores de cinco anos no município de Aquidauana, Mato Grosso do Sul. Foram examinadas 700 crianças em oito Estratégias de Saúde da Família. O valor de ceo-d encontrado nessa população foi de 2,36 e 75,53% das crianças apresentaram atividade de cárie. Com base nos resultados apresentados, conclui-se que a experiência de cárie dentária encontrada em crianças de 12 a 60 meses de idade do município de Aquidauana foi alta. Estratégias de promoção de saúde mais adequadas à realidade das crianças estudadas são necessárias para se obter uma redução significativa no índice de cárie dentária.

Autores :

MARCIA MALUF HADDAD

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: mmhaddad@uol.com.br

INDICADORES DE HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA E DIABETES MELLITUS: RELEVâNCIA PARA A ATENçãO BáSICA
Download da publicação

Especificação



Titulo :

INDICADORES DE HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA E DIABETES MELLITUS: RELEVâNCIA PARA A ATENçãO BáSICA

Resumo :

Para demonstrar o uso dos indicadores como parâmetros de avaliação e planejamento das ações frente aos portadores de hipertensão arterial sistêmica e diabetes mellitus na atenção básica à saúde foi realizada uma pesquisa bibliográfica, com dados selecionados em bancos de dados e revistas eletrônicas, revistas de publicações científicas que abordam o tema proposto. A realização deste estudo é justificada pelo fato que de a hipertensão arterial sistêmica e o diabetes mellitus são doenças crônicas comuns que atingem grande parcela da população brasileira constituindo um desafio para o sistema público de saúde em garantir acompanhamento dos portadores destes agravos e no desenvolvimento de ações voltadas a promoção da saúde e a prevenção das complicações. Para tal fato, as ações são desenvolvidas na atenção básica com o intuito da prevenção e controle dos agravos, objetivando promover melhoria na qualidade de vida e conseqüentemente reduzindo os efeitos econômicos adversos às famílias e à sociedade provocados pelas internações, e principalmente redução das seqüelas e complicações. Para avaliar o impacto destas doenças, são utilizados indicadores de saúde, que são ferramentas que apresentam informações relevantes sobre determinados atributos e dimensões do estado de saúde da população. No caso da hipertensão arterial sistêmica e do diabetes mellitus temos como os principais indicadores de saúde os índices de mortalidade e hospitalizações. Estes indicadores auxiliam na reorganização e avaliação dos programas e políticas públicas implementadas. Por conseqüência da análise dos resultados, foi elaborado pelo Ministério da Saúde, o plano de reorganização da atenção á hipertensão arterial sistêmica e ao diabetes mellitus, com o objetivo de promover estratégias relacionadas com a promoção da saúde, prevenção, acompanhamento, tratamento e controle destas doenças.

Autores :

DIONE BRITO PERESTRELO

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: dbperestrelo@hotmail.com

SITUAÇÕES DE RISCO BIOLÓGICO PRESENTES NA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA
Download da publicação

Especificação



Titulo :

SITUAÇÕES DE RISCO BIOLÓGICO PRESENTES NA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA

Resumo :

O acidente ocupacional é aquele que ocorre pelo exercício do trabalho a serviço da empresa, ou pelo exercício do trabalho dos segurados, provocando lesão corporal ou perturbação funcional que causa a morte ou perda ou redução permanente ou temporária, da capacidade para o trabalho. Este trabalho tem como objetivo investigar se a equipe de enfermagem percebe a sua exposição aos agentes/fatores de riscos ocupacionais, especialmente aos riscos biológicos que muitas vezes acabam sendo imperceptíveis porque os trabalhadores se acostumam com os mesmos e os seus efeitos nocivos à saúde. Estudo exploratório de caráter descritivo utilizando análise quantitativa dos dados, coletados através de entrevista estruturada com a utilização de um questionário, tendo como sujeitos 30 trabalhadores de enfermagem da saúde da família. Os resultados revelaram que 97% dos entrevistados pertencem ao sexo feminino; 47% eram casados e 40% solteiros; 100% trabalhavam 40 horas semanais e 17% dos trabalhadores possuíam outro emprego. Em relação às informações acerca da identificação do risco ocupacional biológico apenas 62% possuíam informações corretas, 23% mencionaram já ter sofrido acidentes de trabalho. Apesar dos agentes de risco biológico estar presentes no ambiente de trabalho, a equipe de enfermagem não consegue em sua maioria identificá-los. Os sujeitos relataram fazer uso de alguns Equipamentos de Proteção Individual; entretanto confundiram algumas medidas de prevenção aos riscos biológicos com tais equipamentos. Evidenciou-se que os trabalhadores de enfermagem apresentam dificuldade na identificação dos riscos ocupacionais biológicos, mesmo trabalhando em ambientes onde tais riscos estão presentes. Estratégias foram propostas no sentido de minimizar os problemas levantados. Palavras-chave: Riscos ocupacionais. Riscos ocupacionais biológicos. Equipe de enfermagem.

Autores :

JUSSARA PEREIRA DOS SANTOS

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: jussarastosenfer@hotmail.com

SITUAÇÕES DE RISCO BIOLÓGICO PRESENTES NA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA
Download da publicação

Especificação



Titulo :

SITUAÇÕES DE RISCO BIOLÓGICO PRESENTES NA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA

Resumo :

O acidente ocupacional é aquele que ocorre pelo exercício do trabalho a serviço da empresa, ou pelo exercício do trabalho dos segurados, provocando lesão corporal ou perturbação funcional que causa a morte ou perda ou redução permanente ou temporária, da capacidade para o trabalho. Este trabalho tem como objetivo investigar se a equipe de enfermagem percebe a sua exposição aos agentes/fatores de riscos ocupacionais, especialmente aos riscos biológicos que muitas vezes acabam sendo imperceptíveis porque os trabalhadores se acostumam com os mesmos e os seus efeitos nocivos à saúde. Estudo exploratório de caráter descritivo utilizando análise quantitativa dos dados, coletados através de entrevista estruturada com a utilização de um questionário, tendo como sujeitos 30 trabalhadores de enfermagem da saúde da família. Os resultados revelaram que 97% dos entrevistados pertencem ao sexo feminino; 47% eram casados e 40% solteiros; 100% trabalhavam 40 horas semanais e 17% dos trabalhadores possuíam outro emprego. Em relação às informações acerca da identificação do risco ocupacional biológico apenas 62% possuíam informações corretas, 23% mencionaram já ter sofrido acidentes de trabalho. Apesar dos agentes de risco biológico estar presentes no ambiente de trabalho, a equipe de enfermagem não consegue em sua maioria identificá-los. Os sujeitos relataram fazer uso de alguns Equipamentos de Proteção Individual; entretanto confundiram algumas medidas de prevenção aos riscos biológicos com tais equipamentos. Evidenciou-se que os trabalhadores de enfermagem apresentam dificuldade na identificação dos riscos ocupacionais biológicos, mesmo trabalhando em ambientes onde tais riscos estão presentes. Estratégias foram propostas no sentido de minimizar os problemas levantados. Palavras-chave: Riscos ocupacionais. Riscos ocupacionais biológicos. Equipe de enfermagem.

Autores :

JUSSARA PEREIRA DOS SANTOS

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: jussarastosenfer@hotmail.com

SITUAÇÕES DE RISCO BIOLÓGICO PRESENTES NA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA
Download da publicação

Especificação



Titulo :

SITUAÇÕES DE RISCO BIOLÓGICO PRESENTES NA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA

Resumo :

O acidente ocupacional é aquele que ocorre pelo exercício do trabalho a serviço da empresa, ou pelo exercício do trabalho dos segurados, provocando lesão corporal ou perturbação funcional que causa a morte ou perda ou redução permanente ou temporária, da capacidade para o trabalho. Este trabalho tem como objetivo investigar se a equipe de enfermagem percebe a sua exposição aos agentes/fatores de riscos ocupacionais, especialmente aos riscos biológicos que muitas vezes acabam sendo imperceptíveis porque os trabalhadores se acostumam com os mesmos e os seus efeitos nocivos à saúde. Estudo exploratório de caráter descritivo utilizando análise quantitativa dos dados, coletados através de entrevista estruturada com a utilização de um questionário, tendo como sujeitos 30 trabalhadores de enfermagem da saúde da família. Os resultados revelaram que 97% dos entrevistados pertencem ao sexo feminino; 47% eram casados e 40% solteiros; 100% trabalhavam 40 horas semanais e 17% dos trabalhadores possuíam outro emprego. Em relação às informações acerca da identificação do risco ocupacional biológico apenas 62% possuíam informações corretas, 23% mencionaram já ter sofrido acidentes de trabalho. Apesar dos agentes de risco biológico estar presentes no ambiente de trabalho, a equipe de enfermagem não consegue em sua maioria identificá-los. Os sujeitos relataram fazer uso de alguns Equipamentos de Proteção Individual; entretanto confundiram algumas medidas de prevenção aos riscos biológicos com tais equipamentos. Evidenciou-se que os trabalhadores de enfermagem apresentam dificuldade na identificação dos riscos ocupacionais biológicos, mesmo trabalhando em ambientes onde tais riscos estão presentes. Estratégias foram propostas no sentido de minimizar os problemas levantados. Palavras-chave: Riscos ocupacionais. Riscos ocupacionais biológicos. Equipe de enfermagem.

Autores :

ANA PAULA VANSAN BIFARONI

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: anapaulabifaroni@hotmail.com

SITUAÇÕES DE RISCO BIOLÓGICO PRESENTES NA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA
Download da publicação

Especificação



Titulo :

SITUAÇÕES DE RISCO BIOLÓGICO PRESENTES NA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA

Resumo :

O acidente ocupacional é aquele que ocorre pelo exercício do trabalho a serviço da empresa, ou pelo exercício do trabalho dos segurados, provocando lesão corporal ou perturbação funcional que causa a morte ou perda ou redução permanente ou temporária, da capacidade para o trabalho. Este trabalho tem como objetivo investigar se a equipe de enfermagem percebe a sua exposição aos agentes/fatores de riscos ocupacionais, especialmente aos riscos biológicos que muitas vezes acabam sendo imperceptíveis porque os trabalhadores se acostumam com os mesmos e os seus efeitos nocivos à saúde. Estudo exploratório de caráter descritivo utilizando análise quantitativa dos dados, coletados através de entrevista estruturada com a utilização de um questionário, tendo como sujeitos 30 trabalhadores de enfermagem da saúde da família. Os resultados revelaram que 97% dos entrevistados pertencem ao sexo feminino; 47% eram casados e 40% solteiros; 100% trabalhavam 40 horas semanais e 17% dos trabalhadores possuíam outro emprego. Em relação às informações acerca da identificação do risco ocupacional biológico apenas 62% possuíam informações corretas, 23% mencionaram já ter sofrido acidentes de trabalho. Apesar dos agentes de risco biológico estar presentes no ambiente de trabalho, a equipe de enfermagem não consegue em sua maioria identificá-los. Os sujeitos relataram fazer uso de alguns Equipamentos de Proteção Individual; entretanto confundiram algumas medidas de prevenção aos riscos biológicos com tais equipamentos. Evidenciou-se que os trabalhadores de enfermagem apresentam dificuldade na identificação dos riscos ocupacionais biológicos, mesmo trabalhando em ambientes onde tais riscos estão presentes. Estratégias foram propostas no sentido de minimizar os problemas levantados. Palavras-chave: Riscos ocupacionais. Riscos ocupacionais biológicos. Equipe de enfermagem.

Autores :

ANA PAULA VANSAN BIFARONI

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: anapaulabifaroni@hotmail.com

TRATAMENTO DA HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA DOS USUÁRIOS DA ESF CAPÃO BONITO I EM SIDROLÂNDIA-MS: ESTIMULANDO A ADESÃO
Download da publicação

Especificação



Titulo :

TRATAMENTO DA HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA DOS USUÁRIOS DA ESF CAPÃO BONITO I EM SIDROLÂNDIA-MS: ESTIMULANDO A ADESÃO

Resumo :

A Hipertensão Arterial é reconhecida como um importante problema de saúde pública e com alta prevalência. Trata-se de uma doença silenciosa e assintomática dificultando a adesão ao tratamento correto. Somado a isso temos também o baixo nível de informações sobre os riscos da doença dificultando ainda mais esta adesão. O objetivo deste estudo foi estimular a adesão ao tratamento adequado, através da roda de conversa e apresentações sobre os riscos potenciais da doença, apresentados de maneira lúdica. A amostra foi composta de 23 pessoas, de ambos os sexos, com idade entre 30 e 75 anos. A adesão às medidas de controle adequadas (medicação, atividade física e alimentação correta), mostrou-se ineficiente. Por outro lado 91,3% dos participantes mantinham a pressão arterial controlada somente com o uso da medicação. No entanto, só o uso da medicação não é suficiente para melhorar o nível de saúde do hipertenso. Transformando o estímulo a adesão em um importante desafio para a Estratégia de Saúde da Família. Palavras-chave: Hipertensão Arterial. Adesão. Tratamentoadequado.

Autores :

PATRÍCIA LEITE PALUDO

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: patypaludo@gmail.com

ASSISTêNCIA PRé-NATAL NA ESTRATéGIA SAúDE DA FAMíLIA VILA HARO: SUBSíDIOS PARA A EDUCAçãO PERMANENTE
Download da publicação

Especificação



Titulo :

ASSISTêNCIA PRé-NATAL NA ESTRATéGIA SAúDE DA FAMíLIA VILA HARO: SUBSíDIOS PARA A EDUCAçãO PERMANENTE

Resumo :

Cardoso da Silva Fabiana Titulo Assistência Pré-natal na Estratégia Saúde da Família Vila Haro: subsídios para a educação permanente. 2012. Trabalho de conclusão do Curso de Pos Graduação em Atenção Básica em Saúde da Família oferecido pela Universidade Cerrado do Pantanal (FIO CRUZ) e Universidade Federal do Estado de Mato Grosso do Sul (UFMS), Campo Grande, MS Este trabalho é resultado da avaliação da cobertura e acompanhamento da assistência pré natal, e da capacitação sobre assistência pré natal aos agentes comunitários de saúde da Estratégia de Saúde da Família Vila Haro (ESF) do município de Três Lagoas MS; e teve como objetivo avaliar a assistência pré-natal na Estratégia Saúde da Família Vila Haro entre o período de Janeiro a Dezembro de 2010; identificar a realização e a freqüência dos exames preconizados na assistência pré natal; conhecer os índices de imunização das gestantes cadastradas no SISPRENATAL; identificar possíveis falhas no sistema de informação; e realizar educação continuada com os agentes comunitários de saúde empoderando-os para que possam ser multiplicadores das informações em saúde, juntos as gestantes da área adscrita. Para avaliar a assistência pré natal foi colhidos dados junto às fichas de acompanhamento SIS pré natal e para verificar se a capacitação foi eficaz, foi estruturado um questionário de avaliação sendo o mesmo aplicado antes ao final da palestra. Os resultados demonstram a importância da educação permanente aos agentes comunitários de saúde que após a capacitação sentem-se mais seguros para orientar a população de sua microarea de atuação em relação à assistência pré natal. Pode-se perceber que eles tinham muitas dúvidas em relação a este tema e os resultados mostram claramente o aprendizado do grupo, e que o objetivo da abordagem foi alcançado. A proposta de educação continuada vai estender aos demais ACS do município devido à importância da mesma, e esta prevista em lei que a capacitação deve ser continua a esses profissionais. Palavras chaves: assistência pré natal; gestante; educação permanente; agentes comunitários de saúde.

Autores :

FABIANA CARDOSO DA SILVA

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: fabicardososilva@hotmail.com

GESTÃO E ATENÇÃO DE DOENÇAS CRÔNICAS EM ARAL MOREIRA/MS - RELATO DE EXPERIENCIA DO PROJETO DE INTERVENÇÃO
Download da publicação

Especificação



Titulo :

GESTÃO E ATENÇÃO DE DOENÇAS CRÔNICAS EM ARAL MOREIRA/MS - RELATO DE EXPERIENCIA DO PROJETO DE INTERVENÇÃO

Resumo :

A partir da Cartografia descrever o relato de experiência do projeto de intervenção do percurso da enfermeira e coordenadora da atenção básica e saúde da família a partir da .relação entre a gestão e atenção do gerenciamento de doenças crônicas, hipertensão e diabetes no Município de Aral Moreira/MS. Utilizando como ferramenta de gestão da clinica o planejamento estratégico situacional da ESF através do SIAB, do Planejamento Regional de Saúde da Macrorregião de Dourados, da Analise dos protocolos clínicos de Hipertensão e Diabetes e um levantamento rápido da comunidade local sobre HAS e Diabetes. Unindo varias metodologias para abordar a gestão do cuidado das doenças crônicas com o intuito de ampliar a capacidade de analise e intervenção das equipes de saúde de Aral Moreira/MS.

Autores :

JULIANA ZANETT ALBERTINI

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: julianaalbertini@hotmail.com

TUBERCULOSE: ACOLHIMENTO E TRATAMENTO REVISÃO DE LITERATURA
Download da publicação

Especificação



Titulo :

TUBERCULOSE: ACOLHIMENTO E TRATAMENTO REVISÃO DE LITERATURA

Resumo :

OBJETIVO: Este trabalho teve como objetivo realizar uma revisão bibliográfica sobre o acolhimento aos pacientes portadores da tuberculose tendo como referência a rotina da Estratégia de Saúde da Família do município de Porto Murtinho. Pretende discorrer sobre o protocolo utilizado pelo município, as falhas e o sucesso do programa da Tuberculose, comparando com bibliografias e manual técnico. METODOLOGIA: As pesquisas foram realizadas a partir de material publicado e constituído principalmente de artigos de periódicos disponibilizados na internet em bibliotecas como SCIELO, MEDLINE e LILACS, utilizando como filtro os descritores usando os termos ?Acolhimento?, ?Tuberculose?, ?Estratégia de Saúde da Família?. REVISÃO BIBLIOGRÁFICA: A tuberculose ainda é uma doença que atinge todas as classes socais do mundo. As Unidades possuem um papel importante no acolhimento do paciente portador da tuberculose, pois é através desta conduta que se alcança o tratamento completo e por fim a cura. A equipe deve estar preparada para receber esse paciente dentro da unidade de saúde, respeitando os preceitos da humanização e tornando o acolhimento uma ponte para que o reestabelecimento deste paciente seja completo e eficaz. CONCLUSÕES: Nesta pesquisa constatou o quão importante é o acolhimento ao paciente portador da Tuberculose, assim como detectamos diversos desafios para a prevenção, cura e tratamento da doença.

Autores :

CAMILA MARTINS DE ARAÚJO

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: biaice@hotmail.com

HIPERTENSÃO ARTERIAL NA ÓTICA DO NASF, NO MUNÍCIPIO DE VICENTINA (MS)
Download da publicação

Especificação



Titulo :

HIPERTENSÃO ARTERIAL NA ÓTICA DO NASF, NO MUNÍCIPIO DE VICENTINA (MS)

Resumo :

Trata-se de um estudo sobre a hipertensão na ótica do NASF no município de Vicentina ? MS, no sentido de contribuir na otimização dos serviços, buscando melhoria na qualidade de atendimento aos usuários que atendam a real necessidade dos portadores de hipertensão. Objetivou-se elaborar um cronograma de ações para os profissionais do NASF com o propósito de aumentar a adesão dos usuários às atividades do Hiperdia, a partir dos dados coletados através de entrevista semi-estruturada, enfocando as condições nutricionais, psicológicas e farmacológicas dos hipertensos que não participam destas atividades. Esta pesquisa é classificada no pressuposto prospectivo, descritivo e diagnóstico e a metodologia adotada possibilitou a análise quali-quantitava. Verificou-se que a maioria dos entrevistados é obesa e não pratica atividades físicas. Embora não participem das atividades do Hiperdia, aderem ao tratamento farmacológico, mas não aceitam serem portadores de Hipertensão Arterial e não mudaram os hábitos de vida após o diagnóstico da patologia. A grande maioria compreende que a hipertensão é crônica e consideram importante o tratamento da doença. As atividades realizadas no Hiperdia têm por objetivo, acompanhar e avaliar os portadores de Hipertensão Arterial e aos pacientes que não aderem ao acompanhamento sistemático da equipe de Saúde da Família. Constitui-se um espaço para a observação do desempenho da equipe e da importância das ações e contribuições dos profissionais do NASF, possuindo potencial para ordenar a dinâmica no nível de atendimento, tendo como princípio a equidade, universalidade e integralidade, organizando-se um processo de trabalho na abordagem nutricional, psicológica e farmacológica proposto no cronograma elaborado neste trabalho. O apoio matricial operacionalizado por intermédio de atendimento compartilhado, dos estudos de casos, de projetos terapêuticos singulares e atendimento em conjunto, além de ações educativas, consistem em realizar atividades de educação permanente com vistas a qualificar e instrumentalizar a equipe local a partir de metodologia participativa e de troca de conhecimentos entre os profissionais e entre os profissionais e a população.

Autores :

SILVIA TAMIKO YAMAMOTO THOMAZ

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: silviaythzsms@yahoo.com.br

IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA SAÚDE NA ESCOLA 1ª FASE ? AVALIAÇÃO ANTROPOMÉTRICA ? ESF ? VILA ESPERANÇA ? ANGÉLICA/MS
Download da publicação

Especificação



Titulo :

IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA SAÚDE NA ESCOLA 1ª FASE ? AVALIAÇÃO ANTROPOMÉTRICA ? ESF ? VILA ESPERANÇA ? ANGÉLICA/MS

Resumo :

Este trabalho traz como objetivo implantar o Programa Saúde nas Escolas (PSE), do Ministério da saúde, junto a Escola Estadual 1º e 2º Grau Senador Filinto Muller e Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental Napoleão Batista de Albuquerque, Município de Angélica/MS, proporcionando ações que visem à promoção da saúde dos escolares. No inicio do ano de 2011 sinalizamos para a Secretaria de Estado de Saúde o interesse em aderir à implantação do Programa. Com o inicio do Curso de Pós-Graduação a equipe tomou a iniciativa de resgatar e efetivar a primeira fase do mesmo, através da realização do levantamento antropométrico de todos os alunos da rede pública e ações de saúde bucal. Dentre os principais resultados, concluimos que dos 325 estudantes do sexo feminino, 85.5%, estavam com peso adequado para idade e 47 alunos (14.5%) estavam com peso inadequado. Dentre os 330 estudantes do sexo masculino 88.5%, estavam com peso adequado para idade e 38 alunos (11.5%) estavam com peso inadequado. Os estudantes com alteração na avaliação antopométrica e seus familiares serão convidados a atividades educativas e acompanhamento com equipe multiprofissional, na estratégia de saude da familia. Outras ações de cunho educativo e preventivo serão realizadas nas referidas escolas.

Autores :

GISELI SILVEIRA SARANBELI

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: gisaranbeli@hotmail.com

DIFICULDADES NA REALIZAÇÃO DE PRÉ-NATAL EM REGIÃO DE FRONTEIRA PELA ENFERMEIRA: RELATO DE EXPERIÊNCIA
Download da publicação

Especificação



Titulo :

DIFICULDADES NA REALIZAÇÃO DE PRÉ-NATAL EM REGIÃO DE FRONTEIRA PELA ENFERMEIRA: RELATO DE EXPERIÊNCIA

Resumo :

A enfermeira dentro de uma equipe de ESF tem muitas atribuições e responsabilidades, não somente relacionado a equipe mas com toda a unidade. Esse excesso de atribuições incumbidas a esse profissional muitas vezes dificulta a assistência de enfermagem propriamente dita. Em Ponta Porã região de fronteira, o pré-natal de baixo risco é de responsabilidade inteiramente da enfermeira, uma realidade não presente em outros municípios do Estado, gerando muita preocupação e insegurança por parte deste profissional, neste relato de experiência será uma forma de outros profissionais terem visão da nossa realidade local e servir para que haja mudanças no que se refere a assistência ao pré-natal no município.

Autores :

ANA CARLA TAMISARI

Referência :

Para obter o arquivo deste TCC, solicite diretamente ao autor, através do email: atamisari@msn.com